Facebook Scripts

adSense

domingo, 5 de março de 2017

Bled - Eslovênia

Garanto que ao comentar com os amigos que irá visitar Bled, ou até mesmo a Eslovênia, a maioria irá perguntar “Onde fica isso?”, “O que tem pra fazer lá?” ou até mesmo “Por que vai perder tempo indo pra lá e não um lugar melhor?”. Ignore tudo e ao retornar mostre as fotos da viagem, garanto que todos vão querer planejar uma viagem igual.

Bled é uma pequena cidade da Eslovênia, repleta de belezas naturais e com um lago que leva o nome da cidade. O lago possui águas cristalinas em tons esverdeados e em seu centro há uma pequena ilha natural, onde há uma pequena igreja que as pessoas visitam apenas para tocar o sino em sua torre, pois acredita-se que dá sorte. Em suas margens, localizado sobre um penhasco, está o Castelo de Bled, que é o mais antigo castelo do país. Todo o turismo da cidade funciona em torno do lago e castelo.

O lugar é tão deslumbrante, que em qualquer época do ano vai ser um lindo cenário. Seja coberto por neve durante o inverno, ou com as cores do outono ou primavera. No verão as águas estarão mais esverdeadas e será ideal para o banho, pois as águas estarão mais quentes.

Como é uma cidade muito pequena, é comum ficar por apenas um dia. Por estar localizada a apenas 54 quilômetros de Liubliana (Clique aqui para ler o Post sobre Liubliana), é possível fazer um bate-volta em qualquer uma das cidades, podendo escolher a que mais te agrada como base.

Lago de Bled - Eslovênia - Leste Europeu
Lago de Bled
Este post foi escrito por um grande amigo, Felipe, que fez uma viagem incrível pelo Leste Europeu, passando por várias cidades sensacionais, e escreveu alguns ótimos posts para o Blog contando sua experiência e dando ótimas dicas para quem pretende viajar para lá. Confiram!


Onde ficar

É possível ficar em Bled como base para conhecer a região ou aproveitar um pouco mais da tranquilidade e beleza do lugar. Há alguns hotéis e albergues na cidade, sendo alguns as margens do lago.

Clique aqui para conhecer os melhores hotéis de Bled.



O que comer e onde comer

Não vi muita coisa diferente no cardápio Esloveno. Como estava viajando por algumas cidades do Leste Europeu, vi muita coisa que são de outros lugares. Mas na cidade de Bled, há uma sobremesa que foi criada lá e é muito famosa e gostosa, a torta Kremšnita. É feita com uma massa folhada, creme e chantilly, e pode ser encontrada em qualquer restaurante da cidade. Comi no restaurante Vila Prešeren, que fica nas margens do lago. A comida é deliciosa e bem servida, além de ter um bom preço.

Ao redor do lago há muitas opções de restaurantes que são um pouco mais caros e se for se afastando dele, há muitas outras opções mais baratas, mas não com a mesma vista. Então se o bolso estiver apertado, vá um pouco mais distante e depois de comer volte para continuar o passeio. Há também um restaurante dentro do castelo, onde se tem a vista de cima do lago, mas com um preço um pouco mais elevado.

Uma boa dica é provar as cervejas locais. As marcas mais conhecidas são Laško e Union, não sei se existem outras. Cada marca possui vários tipos de cerveja, pode escolher o seu tipo preferido e provar. Inclusive, as duas possuem a cerveja do tipo Radler, que é uma cerveja misturada com suco de limão, muito comum na Europa. Gostei da que provei.

Refeição às margens do lago Bled


Seguro Viagem

Na Europa, países signatários do acordo Schengen exigem seguro com cobertura mínima de 30 mil euros para qualquer viajante. São eles: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Holanda, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça.

No banner abaixo, disponibilizamos um comparador de Seguros da Real Seguros, através dele, você pode comparar o custo e os itens cobertos de várias seguradoras diferentes. (Ou clique aqui para ler nosso post sobre seguro viagem)




O que conhecer

Não se engane com o tamanho da cidade. Apesar de ser bem pequena e parecer ter pouca coisa pra fazer, as atividades são um pouco demoradas e podem fugir ao seu planejamento. Então é importante se organizar bem se for ficar apenas um dia para dar tempo de fazer tudo. Abaixo estão alguns dos pontos que considero imperdíveis

Lago Bled

De uma beleza singular, o Lago Bled é um dos mais bonitos que já conheci e com certeza o mais bonito da Eslovênia. Não tem quem chegue lá e não fique impressionado com suas águas esverdeadas e muito transparentes. Ao se aproximar da margem, é possível ver os peixes nadando e o fundo do lago, de tão transparentes que são. Para manter a limpeza de suas águas, é proibido qualquer tipo de motor a combustão nos barcos que fazem a travessia para a ilha.

Existem muitas atividades na região do Lago. Além do castelo e travessia para a ilha, a qualquer hora do dia você encontra pessoas fazendo caminhadas e correndo, é possível alugar caiaques e nos períodos mais quentes do ano, há a prática de Stand Up Paddle (SUP). Sem falar nas pessoas que vão para lá tomar banho, estender suas toalhas para tomar sol ou até mesmo pescar.

O percurso ao redor do lago tem 6 quilômetros. Mas não ache que conseguirá fazer em pouco tempo, pois é difícil conseguir percorrer um longo trecho sem parar para contemplar sua beleza e fazer uma seção de fotografias. Com isso, se gasta algumas horas para conseguir dar uma volta completa.

Vista do Lago Bled

Cores do Outono

Lago Bled

Transparência das águas do lago


Castelo de Bled

Situado as margens do lago e sobre um penhasco, a 130 metros acima do lago, o Castelo de Bled é uma construção medieval magnífica. Possui toda a estrutura que se vê nos castelos de filmes, com torres, muralhas, pátios, ponte levadiça, fosso, capela e claro, uma linda vista de todo o lago e parte da cidade e região das montanhas.

Sua estrutura é parcialmente aberta ao público e é cobrada uma taxa. Em seu interior, além das estruturas do castelo que estão muito conservadas e adaptadas para turismo, foram adaptadas algumas estruturas para o funcionamento de um museu, um restaurante, uma loja de vinhos, uma loja de souvenires e um ferreiro que trabalha da mesma forma como era feito na época medieval e vende alguns objetos feitos lá. O museu é muito interessante e conta toda a história do castelo, mostrando a construção inicial e as modificações que foram feitas ao longo do tempo.

A pior parte sem dúvidas é o acesso ao castelo. Quem estiver de carro, há um estacionamento na frente, então é fácil, mas as pessoas que forem andando vão ter duas opções. A primeira é subir uma longa escadaria logo ao lado da igreja, antes de chegar ao lago. É um pouco cansativa, mas é a opção mais rápida e fácil. A segunda opção é fazer uma trilha. É uma trilha moderada, pois é uma subida de 130 metros, então alguns trechos são bem íngremes, mas não deve levar mais que 40 minutos. No meio da trilha tem um trecho que é possível ir a um mirante onde se tem uma vista espetacular do lago.

Castelo de Bled sobre o Penhasco

Castelo de Bled sobre o Penhasco

Interior do Castelo de Bled

Muralhas e Torres do Castelo 
Capela do Castelo



Ilha de Bled

Para chegar à ilha, há 3 opções. A primeira é alugar um barquinho e ir remando. Há barcos de vários tamanhos. Vi alguns caiaques que cabem apenas duas pessoas e barcos para quatro e seis pessoas. A vantagem de alugar um barco é que você controla o tempo que vai ficar por lá. A segunda opção é ir com uma plena (gôndola).  É só ir para o ponto de partida e esperar encher o barco. Eles só saem com uma quantidade mínima de pessoas, então pode ser que você tenha que ficar esperando algum tempo. Ao chegar à ilha, o barqueiro determina o tempo que ficarão por lá. A terceira opção é ir em um barco com motor elétrico. Ele é mais rápido que a plena, mas funciona da mesma forma.

A ilha é minúscula. Tem apenas a igreja, um museu, um café e uma lojinha. Para entrar na igreja é necessário pagar uma taxa que inclui a visita ao museu. A grande atração da igreja é tocar o sino. Alguns dizem que da sorte e outros dizem que se você tocar o sino três vezes, pode fazer um pedido e ele se realizará. Não achei muito interessante e por isso não entrei, vi apenas por fora.

Ilha de Bled

Embarcações que levam à ilha

Igreja da ilha


Dicas Úteis

Se for de ônibus, pergunte ao motorista qual a parada mais próxima do lago, pois há uma parada na cidade, que fica distante do lago, e uma parada bem próxima ao castelo, onde você deve descer;
Ao descer no ponto, tire uma foto dos horários e observe que algumas linhas e horários só funcionam em determinadas épocas do ano;

Caso não queira gastar muito com comida, aproveite os menus do dia. Muitos restaurantes servem diariamente uma ou duas opções a um preço bem acessível, é só dar uma volta e escolher o que mais te agrada;

Vá de tênis ou algum sapato confortável, pois vai andar muito por lá;

Fique atento se for utilizar a trilha para ir ao Castelo de Bled, pois no inverno alguns trechos são interditados para manutenção e não há nenhuma sinalização no início da trilha, você só vai descobrir ao chegar lá. No meu caso, já estava quase no mesmo nível do castelo quando encontrei um trecho interditado;

Não se esqueça de levar água para o caminho do castelo, principalmente se for fazer a trilha.





Gostou do post? Compartilhe este post com seus amigos! Convide-os para uma bela Eurotrip!

Curta também nossa página Facebook e esteja sempre por dentro dos melhores roteiros e dicas de viagem:
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)



Confira também os posts relacionados

Eurotrip - Primeira Vez na Europa - Nunca foi à Europa e quer primeiro conhecer as cidades do roteiro mais tradicional? Confira essas dicas!
Liubliana - A capital da Eslovênia vai te surpreender.
Bratislava - Confira tudo sobre a linda capital da Eslováquia.
Praga - Cidade mais famosa do Leste Europeu. Não pode faltar na sua Eurotrip.
Budapeste - À margem do Danúbio, Budapeste costuma uma das preferidas dos viajantes ao Leste Europeu.
Cracóvia - Além do mais famoso campo de concentração da Segunda Guerra, Auschwitz, há um monte de coisas interessantes para conhecer.
Viena - A linda cidade que respira música.
Paris - Essa é a cidade mais visitada do mundo. Se você ainda não foi. Vá!


Navegue um pouco por nosso índice que certamente você vai encontrar a cidade que procura ou alguma história divertida para relaxar ;)
Índice de Posts com Roteiros, várias cidades e muito mais



Mais algumas fotos:




Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...