Facebook Scripts

adSense

segunda-feira, 24 de março de 2014

Por que eu prefiro viajar para cidades a ir ver a natureza



Gosto muito de viajar para lugares onde o ser humano faz a diferença. Não precisa ser uma cidade grande, pode ser uma cidade pequena, com algo interessante para conhecer e pessoas legais.

Não é que eu não goste de viajar para ver a natureza, fazer trilha, tomar banho de cachoeira etc. Isso também é ótimo, porém eu prefiro viajar e conhecer as cidades e tudo o que elas têm de diferente a me oferecer.




Me justifico: Podemos ver a natureza por fotos e vídeos. É claro que não é exatamente a mesma coisa, mas podemos ter uma ideia boa. A riqueza proporcionada pelo contato com pessoas de cultura diferente, no entanto, é muito maior, e é algo que não podemos experimentar à distância de maneira realista.

É da interação com pessoas que nascem as melhores histórias de viagens.

Como é bom chegar em outro país e tentar falar a língua local, observar os costumes, provar da comida, da música, da arte, da história, interagir com as pessoas, aprender com elas...

O contato com pessoas das mais diferentes culturas nos ensina a ser mais tolerantes, a aceitar as diferenças, quebrar nossos preconceitos... Nos faz crescer.

Conhecer outros lugares nos faz perceber que lugares que julgávamos ruins podem ter muitas qualidades, e lugares que julgávamos perfeitos podem não ser tão perfeitos assim. Aprendemos que o lugar que vivemos é mais um no mundo com defeitos e qualidades, como os outros. É preciso entrar em contato com outros povos, para poder analisar exatamente em que ponto nós estamos, sem o preconceito daquele que tudo sabe nem nada ter visto.

Um bom exemplo disso são as pessoas que vivem reclamando o tempo inteiro do Brasil, dizendo que aqui nada presta, mas nunca saíram do país, ou no máximo fizeram aquela viagem de férias num hotel bacana e não tiveram um contato profundo com a cultura do outro local. Normalmente quem já morou fora, ou viaja bastante e procura conhecer as culturas, tem uma visão mais real do Brasil, concluindo que tem qualidades e defeitos, assim como os outros países.

Viajar e conhecer outras culturas abre nossa mente, e nos faz entender melhor como o mundo funciona e querer melhorá-lo. Nos traz ideias novas, de cada lugar novo, que podem ser aplicadas no lugar onde vivemos. Passamos a dar menos valor a coisas materiais e mais valor às atitudes que podem fazer a diferença, e passamos a buscar isso.

Em resumo, viajar e ver a natureza nos enriquece os olhos, porém, viver o lugar e a cultura intensamente nos enriquece a alma.

"Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos" O Pequeno Príncipe.



E você? Qual a sua opinião? Deixe sua mensagem e compartilhe seu pensamento com os outros leitores.

O que você tem achado dos posts do blog? Que sugestão de posts você daria? Dê-nos um feedback!

Gostou? Compartilhe com seus amigos, curta a página facebook. Me motive a continuar sempre escrevendo =)



Posts relacionados:
Eurotrip - Primeira Vez na Europa - Vai viajar para a Europa pela primeira vez? Veja nosso roteiro com as cidades fundamentais!
Viajar é a única coisa que você compra e que te deixa mais rico
Curiosidades sobre a França
Curiosidades sobre São Paulo
Típico Café Francês - O que dá o sabor da comida francesa
A relação entre brasileiros (e outros) e o frio
Cuidado com brasileiros

Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. hahaha
    adorei seu post, pois eu sou totalmente o oposto e adoro ver a diferença das pessoas...
    eu sempre viajo pra tomar banho de cachoeira, ver montanhas, praias desertas enfim belezas naturais que pra mim são sempre distintas. Sempre acabo passando em cidades grandes, famosas mundialmente e nunca acho nada de interessante, pra mim ver prédios altos, monumentos e outros é bem chato eu nem fotos consigo sacar.
    Nas minhas trips sempre encontro pessoas locais, menos q nas cidades, bares e etc, mas encontro pessoas simples, que tem muito o q compartilhar.

    http://matheusperdido.blogspot.co.nz/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bacana Matheus!
      Obrigado por compartilhar o seu ponto de vista!

      Excluir
  2. Sugiro que você vá conhecer o Glaciar Perito Moreno :)

    ResponderExcluir
  3. Sem dúvida viajar para as cidades é muito interessante. Nós também adoramos um concreto, um visual urbano. Não que a gente dispense uma praia, mas cidades tem lugar especial em nosso coração! abs. Carlos Monteiro.

    ResponderExcluir
  4. Também prefiro visitar "cidades" (mesmo que pequenas) pois gosto de me misturas às pessoas, também me interesso à arte e historia e consigo me projetar no passado e imaginar tudo o que ali se passou.
    Porém de vez em quando preciso de natureza, 1 ou 2 dias (se for mais do que isso morro de tédio!).

    ResponderExcluir
  5. Em nenhum passeio de aventura que a natureza seja o foco você deixará de conhecer cidades, lugarejos, comunidades e pessoas do mundo inteiro. Nem em Maya Bay onde só podem dormir 20 pessoas por noite.
    Partir do principio que para conhecer culturas diferentes, pessoas diferentes e do mundo inteiro você precisa estar em cidades grandes e muitas vezes de outros paises é desconsiderar a riqueza cultural que cidades pequenas e comunidades podem te passar, principalmente dentro do Brasil.
    A nossa riqueza cultural é imensa e digo.. conheci mais gringo no capão e em Itacare do que em qualquer outro lugar!
    E sinceramente, as pessoas que você encontra nesses lugares onde são oferecidos passeios de aventura e contato com a natureza são muito mais interessantes...
    E dizer que a natureza você pode ver por fotos... chega a ser engraçado. Cidade você vê por fotos. A natureza você sente, você entra em contato com ela, é uma troca. Uma foto de Machu Picchu não te dá nem um terço da dimensão daquilo ali.. e a emoção que você sente ao encontrar uma obra prima da natureza pra mim não se compara a ver uma obra prima da engenharia.
    Mas.. tem gosto pra tudo!
    Eu estou aproveitando a minha juventude, minha energia e o fato de ainda nao ter filhos para fazer todos os passeios de aventura que tiver direito, afinal, pra cidades grandes eu posso ir com filhos... subir um vulcão não!
    www.analaeacola.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei nem o que comentar depois disso. Magníficas observações. Natureza e cidades ou vilarejos menores automaticamente nos levam a uma imersão muito maior. E na verdade não é o ambiente cidade ou natureza que vai proporcionar experiências, mas sim a sua própria busca por isso.

      Excluir
  6. Eu acho bem o contrário, se quiser entrar realmente em contato com a cultura e os locais, o ideal é fugir de cidades grandes! Quanto menor o lugar e em geral quanto mais próximo da natureza, mais contato com as pessoas vc vai ter! E tb, obras de arte, monumentos, prédios, isso sim é que se vê por foto! Pisar na areia de uma praia, entrar num mar transparente, fazer mergulho na Barreira de Corais, ver um leão no seu habitat natural na africa, isso sim não se consegue por foto!

    ResponderExcluir
  7. Concordo em tudo com o post. Prefiro conhecer cidades, apreciar a arquitetura, gastronomia, cultura,as pessoas. Não gosto de passeios voltados para a natureza. Enfim, é gosto. E isso não se discute. Me identifico com o post.

    ResponderExcluir
  8. Eu tb prefiro cidades, sua agitação, seus segredos. Já me senti poeira cósmica qdo conheci o Glaciar Perito Moreno citado anteriormente e uma paz e sonho concretizado ao navegar pelos fiordes da Noruega, mas é o murmúrio das ruas lotadas que me fascina!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...