Facebook Scripts

adSense

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Curiosidades sobre São Paulo

Olá a todos,

Estou morando há algum tempo em São Paulo, e esse tempo por aqui, me fez observar algumas curiosidades.

Obviamente os itens não se aplicam a todos os paulistas e não são verdades absolutas, mas apenas pontos de vista, um pouco exagerados às vezes.


Quero deixar claro que esse não é um post ofensivo, mas apenas uma visão bem humorada sobre as diferenças culturais e estou sendo muito bem acolhido por aqui.

Vamos lá:





1. Em São Paulo se come cachorro quente com purê de batata, entre outras coisas (às vezes é possível encontrar salsicha também), e é "mó" bom.

2. Em São Paulo as pessoas são estressadas, principalmente no trânsito. É comum ver brigas nos ônibus.

3. Baianos sofrem em São Paulo. Se você está mal vestido, é baiano, se fez uma besteira, fez uma baianagem. Coletivo de pessoas que não se quer se aproximar é baianada.

4. Em São Paulo, não é necessário falar as coisas no plural. Segundo li em algum lugar, isso se deve à influência da colonização italiana no estado, já que em italiano os plurais não têm 's' no final.

5. Em São Paulo também não é necessário usar o subjuntivo. É comum ouvir "Quer que eu vou?" "Quer que eu faço?".

6. Em São Paulo, mim pode ser usado junto a verbos. Ex.: Para mim fazer...

7. Em São Paulo, tem que se ter muito cuidado para não engordar. Os pratos são muito bons, gigantes e ricos em carboidratos.

8. Em São Paulo, fudido pode ser bom. Ex.: Comprei um carro fudido!

9. Em São Paulo, as pessoas falam "Se pá", que quer dizer "Talvez".

10. Em São Paulo, as vogais nasais são ainda mais nasais. Ex.: Intãããão Juliãããna, você nãão tá enteeeendendo, meu (Então Juliana, você não está entendendo).

11. Se você ouvir "da hora" em São Paulo, não tem nada a ver com o tempo. "Da hora" quer dizer que algo é bom.

12. O "R" em São Paulo enrola a língua como em inglês. Ex.: Porrrrrta. (Um paulistano nunca vai admitir isso, mas eles fazem, sim).

13. São Paulo é uma cidade que não dorme. O fluxo de carros pode ser intenso mesmo de madrugada. É possível encontrar coisas legais para fazer a qualquer horário e qualquer dia.

14. Em São Paulo, as ruas podem mudar de nome do nada.

15. Em São Paulo, dizem que casamento é como a Avenida Paulista: Começa no Paraíso e termina na Consolação.

16. Em São Paulo, o metrô Consolação fica na Avenida Paulista e o metrô Paulista fica na Avenida Consolação.

17. Em São Paulo a sua meleca será sempre cinza ou preta e em maior quantidade que em outros lugares.

18. Em São Paulo, o dia pode começar a 10°C e terminar a 27°C.

19. São Paulo deveria se chamar São Pedro. Acredite, por mais que o dia esteja bonito, leve sempre guarda-chuva.

20. Em São Paulo, existe uma lei informal, onde nas grandes ruas e avenidas é necessário deixar sempre um corredor para as motos. A multa em caso de descumprimento pode ser um retrovisor a menos no seu carro.

21. Em São Paulo, o maior índice de infarto está concentrado no cruzamento da Ipiranga com a Avenida São João (como Caetano Veloso pode confirmar).

22. Em São Paulo há muitos pichadores, e eles têm pernas de sapo. PQP! Como eles conseguem pichar em andares tão altos nos prédios?

23. Em São Paulo, ou você é Corinthiano ou anti-corinthiano.

24. Em São Paulo, o shopping é praia. É o programa do domingão.

25. Em São Paulo, se mistura Feijão e Estrogonofe.

26. Em São Paulo, quando você agradece algo, as pessoas te pedem para imaginar.

27. São Paulo em teoria tem o menor índice de violência do país entre as capitais, mas todo mundo já foi assaltado ou roubado de alguma forma. Eu mesmo fui assaltado à mão armada com apenas 3 semanas aqui. Algo me diz que esses dados são maquiados.

28. São Paulo é rica em cultura. Há muitos museus, teatros e produção cultural de qualidade.

29. Não tente ver estrelas no céu de São Paulo, no máximo a Lua.

30. Em São Paulo, há um posto de gasolina em cada quarteirão. Às vezes dois.

31. Em São Paulo, qualquer pessoa pode se tornar seu irmão, tá ligado mano?

32. Paulistas são possessivos, qualquer um pode ser chamado de "meu".

33. Em São Paulo, eu acho que sou a única pessoa que diz bom dia aos motoristas e cobradores de ônibus. Ao menos nunca ouvi outras pessoas dizerem.

34. Em São Paulo tem pastel de tudo, inclusive de nada.

35. Em São Paulo as pessoas estão sempre pensando no trânsito, mesmo quando estão caminhando, as pessoas se colocam sempre do lado direito.

36. Alguns paulistas acham que São Paulo deveria se separar do Brasil porque têm um PIB muito maior que o resto do país, mas se se separassem para quem iam vender? Isso é uma grande besteira, São Paulo precisa do Brasil e o Brasil precisa de São Paulo. Juntos o Brasil é muito mais forte =)


Se você gostou deste post, compartilhe!

Curta a página facebook do blog e fique atualizado sempre que novos posts: A Riqueza de Viajar

Leia também os posts relacionados:

Curiosidades sobre a França
Curiosidades sobre a Bahia
Viajar é a única coisa que você compra e que te deixa mais rico
A relação entre brasileiros (e outros) e o frio
10 dicas de Cervejas de Flandres (e que você pode encontrar em São Paulo e outras cidades do Brasil também)
Aula de fonética baiana

Vai viajar para fora do país?

Não perca tempo com as filas, veja como comprar ingressos para as atrações turísticas:
Como comprar ingressos para as atrações turísticas mundo afora




Comente com o Facebook:

13 comentários:

  1. HAuHAUhUAHuHA
    Muito bom mano! To rindo sozinho aqui!!!! kkkkk
    Ps.: Quando pego o busão, falo obrigado e bom dia para motorista e cobrador! E sim, a maioria fica "perplexa" que muitas vezes nem respondem hahaha
    Já o item 5 e 6... São pessoas que realmente precisam ir para a escola kkkk

    ResponderExcluir
  2. Vou compartilhar ! Ri muito com o item 26.... Ah...e eu tbém falo Bom Dia pros motoristas e cobradores...

    ResponderExcluir
  3. Adorei!!! Agora vc me agradece e eu mando vc imaginar!!!

    ResponderExcluir
  4. Em São Paulo, cidade onde tudo é possível, dificilmente há horizonte.

    ResponderExcluir
  5. Hahahahahahaha MEU este texto esta DA HORA! Ficou FUDIDO!!!!!! Parabéns!!!!! (É agora que vc deve responder "magina"! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! (Agora sim você responde "imaginaaaaa")

      Excluir
  6. Olhe, sou obrigada a admitir que, tirando pelo último item (não concordo que SP deveria se separar e tals, e conheço muitas pessoas que pensam da mesma maneira), é tudo verdade! hahahahah
    Nasci e moro em SP há mais de 23 anos. Quando viajei à Bahia vi TANTA coisa diferente que nem parecia que estava no mesmo país! Parece que nem a língua é a mesma (edaí que pra falar às vezes nos esquecemos dos 's' ? hahahahaha)
    Tudo muda, do sotaque às comidas típicas.
    Gostei muito da maneira como vc apontou de maneira divertida algo que pra gente é tão natural que nem percebemos :)

    ResponderExcluir
  7. gente, NUNCA vi ninguém misturar feijão com strogonof, que aliás deve ficar horrível kkkkkk Sou de SP mas moro em Campinas, q fica pertinho e estou sempre por lá. E tb os itens 4, 5 e 6 é q a maioria não sabe falar certo mesmo rs Mas eu não falo assim e meus amigos e familiares tb não!!! Isso não é costume de um lugar mas sim de um grupo que não teve aula suficiente de português! rs

    ResponderExcluir
  8. Enquanto paulista que mora em São Paulo há aproximadamente cinco anos devo mencionar que ao dizer "paulista" autor quer dizer "paulistano". Embora tenha a bandeira do estado de São Paulo aí em cima, é exatamente das características dos moradores (naturais ou não) que ele está falando.

    ResponderExcluir
  9. hahahahahaha perfect

    Sou paulistano e pratico uns 85% do que vc disse.

    Acrescentaria ai:

    Se vc mora na ''Ze ele'' é pobre, corinthiano ou baiano
    Se vc não tem carro, é pobre, corinthiano ou baiano

    Muito bom. esse texto, parabéns


    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...