Facebook Scripts

adSense

domingo, 3 de julho de 2016

As Piores Gafes que Você Pode Cometer em Língua Estrangeira

Este post conta algumas histórias reais que aconteceram comigo ou com amigos que, ao tentar falar algo numa língua estrangeira, acabaram se confundindo e cometendo gafes épicas.

Fique atento e estude direitinho a língua do lugar que você vai para não passar pelos mesmos constrangimentos.


Conte sua história nos comentários e compartilhe ;)



A vagina por favor!

Um amigo foi à Argentina falando seu portunhol básico, e achando que dessa forma poderia se comunicar com todo mundo. Após comer num restaurante chique, com todo o ímpeto de quem achava que falava espanhol fluente, levantou o braço bem alto para pedir a conta, e gritou com convicção:
- La CONCHA por favor!
Tudo certo, se "Concha" não fosse o nome vulgar para Vagina. Da próxima vez, peça La Cuenta, amiguinho.
Os que estavam no restaurante olharam com olhos arregalados.


Ménage à 3?

Na residência universitária que eu morava na França, também habitavam muitos brasileiros, todos nós recém chegados e sem um nível muito alto de francês. E também havia um casal de franceses que era muito próximo da gente. Numa dessas vezes, convidamos a menina do casal para sair com a gente, ouvindo de volta a resposta:
- Não vou poder, hoje à noite eu vou fazer o ménage. (Je ne peux pas, ce soir je vais faire le ménage).
Nós, com a pervertida mente brasileira, nos entreolhamos espantados e pensamos
- Nooooossa, como esses franceses são moderninhos, eles falam que vão fazer um ménage assim abertamente para todo mundo...
Calma, calma... É que, apesar de em português utilizarmos esse termo apenas para uma suruba a três, faire le ménage em francês quer dizer apenas fazer uma faxina, arrumar o quarto.


Jacinto Cabeção

Essa aconteceu com um amigo italiano que fala português muito bem, mas não o suficiente para captar as sutilezas e os duplos sentidos tão comuns em nossa terra. Ele era bem brincalhão, e sempre que ele nos via gritava de longe:
- Ei brasileiro viado! - Nos causando constrangimentos
Eu e meu amigo André decidimos então pregar uma peça nele. Num dia aleatório, falei para ele que André não gostava que chamassem ele de "Jacinto Cabeção", que ele ficava puto da vida. Foi o suficiente. Desde então, sempre que ele via André, gritava de longe:
- Jacinto Cabeção! - Provocando gargalhadas de todos os brasileiros.
Ele ainda passou uns dois meses fazendo isso, achando que ele é quem estava sacaneando, quando na verdade, ele foi o trolado-mor.


Ande até o Carrefour

Eu estava morando na França havia pouco tempo. Uma vez entrei numa agência do correio francês para receber uma encomenda. A moça que atendia, muito atenciosa, me disse que eu deveria buscar a encomenda em outra agência, e foi me explicar como chegar lá:
- Você vai andando direto pela avenida até encontrar um grande Carrefour, aí você vira à esquerda, anda mais alguns metros e chega lá.
Vocês não têm ideia do quanto eu andei esse dia!!! Eu andava, andava e andava procurando o maldito supermercado Carrefour e xingava a mulher internamente com todas as minhas forças. Só depois de muuuuuito tempo é que me dei conta que Carrefour, em francês, na verdade significa Cruzamento. E de fato, havia um cruzamento bem próximo do meu ponto de partida.
Quem foi o empresário fi do demonho que criou uma das maiores redes de supermercado do mundo com o nome "Cruzamento"???



TOC TOC! Não tem ninguém!

Outra vez na residência universitária na França. Era minha primeira semana por lá e meu francês estava, digamos, em evolução... Os banheiros da residência eram compartilhados, e lá estava eu na minha portinha fazendo o número 2, quando alguém bate na porta: TOC TOC. Eu quis responder imediatamente "Tem gente", mas na verdade eu disse:
- Não tem ninguém! (Il y a Personne)
A pessoa saiu, mas deve ter ficado com uma grande interrogação na cabeça. Algo do tipo: "Quem é esse maluco palhaço que responde que não tem ninguém?".
É que Personne em francês, quer dizer Pessoa, mas dependendo do contexto, é usado como negativa, ou seja, Ninguém. Então querendo dizer que tinha gente usando o banheiro, acabei dizendo que não tem ninguém.


Moço, me dá um pequeno doce

Umas amigas brasileiras foram ao restaurante em Paris e no final estavam morrendo de vontade de pedir, em francês, uma sobremesa típica francesa. Então pensaram "Vamos pedir um Petit Gateau!". Que grande ideia! Seria... Se existisse isso na França. Acontece que lá, Petit Gâteau não é nome de nenhuma sobremesa específica. Petit quer dizer pequeno, e Gâteau quer dizer doce ou bolo. Sem saber disso ela pediu:
- Moço, eu quero um Petit Gateau. (um pequeno doce).
O garçom ficou confuso com o pedido e perguntou.
- Qual?
- Petit Gateau, sabe? de Sobremesa...
O garçom, sem entender que diabos exatamente ela queria, trouxe então uma bandeja com um monte de doces pequenos para ela escolher. Lembrem-se, se forem pedir um Petit Gâteau na França, o nome correto por lá é Fondant au chocolat.

Fantasmas no albergue

Certa vez estávamos num albergue e lemos um cartaz "Forbidden Spirits in this hostel". Começamos a rir desesperadamente com a suposta loucura do cartaz que proibia espíritos no albergue. Depois ficamos especulando, achando que se tinha esse cartaz era por que alguém já tinha feito a brincadeira do copo ou algo assim, e deu merda. Só depois nos tocamos que "spirit" é o termo usado para álcool forte em inglês.

Se você gostou desse post também vai adorar esse: Cuidado com Brasileiros, que conta histórias de brasileiros no exterior, que achando que ninguém vai entender, falam português e passam por gafes inacreditáveis! Ou veja mais abaixo posts de humor e sobre viagens que você certamente vai querer fazer!

Compartilhe e curta nossa página facebook =)
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)



Conheça mais posts de humor do blog clicando nos links abaixo:

Cuidado com Brasileiros
Curiosidades sobre a França
Curiosidades sobre São Paulo
Curiosidades sobre a Bahia
Típico Café Francês - O que dá o sabor da comida francesa
Cuidado com brasileiros - Versão Barcelona Extreme
O Indiano de Bangladesh
O estranho jeito estadunidense de falar sobre o seu país em viagens
A Incrível História da Mulher que Largou Tudo para Viajar o Mundo

Posts de viagens:

Eurotrip - Primeira Vez na Europa
Top 10 - Conheça as Melhores Ilhas do Mundo
Top 10 - Cidades históricas
Vou viajar para o exterior. Preciso fazer Seguro Viagem?


Nosso índice de Posts:

Índice




Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Certa feita em Portugal após olhar o cardápio resolvi escolher um lanche com delícias do mar. Perguntei para a garçonete quais delícias do mar viria no lanche. Ela disse, delícias do mar oras. Fiquei esperando por lagostins, polvo, lulas, etc. Eis que quando chegou o lanche era o nosso conhecido Kani

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...