Facebook Scripts

adSense

domingo, 18 de dezembro de 2016

Parque Memorial Quilombo dos Palmares - Alagoas - Brasil

O excelente post de hoje foi escrito pelo amigo Leonardo Leite, que recentemente fez uma viagem por Alagoas e visitou o famoso Quilombo dos Palmares, contando um pouco do que viu por lá. Espero que vocês gostem tanto quanto eu gostei =)





O estado de Alagoas é famoso por suas praias paradisíacas, valendo-lhe até o título de "caribe brasileiro". Mas uma atração alagoana pouco destacada nos roteiros turísticos é o Parque Memorial Quilombo dos Palmares, situado na Serra da Barriga, município de União dos Palmares.


O parque memorial quilombo dos palmares



O parque é localizado onde outrora foi o famoso Quilombo dos Palmares. E embora famoso, ao visitar o local descobri que sabia muito pouco sobre o assunto. Lá a história é contada por guias locais, tendo ao fundo o som da capoeira e como cenário reconstituições de instalações da época do Quilombo. Então lá aprendi não só sobre detalhes da história de Zumbi, mas também de Ganga Zumba, o líder anterior do Quilombo.

Ganga Zumba e Zumbi

Muito pouco se deixou escrito sobre a vida no Quilombo, uma vez que os registros oficiais perenizaram apenas o ímpeto de destruir o Quilombo. Dessa forma, história, mito e questionamentos se mesclam nessa incrível saga do Brasil do séc XVII.

Algumas coisas interessantes sobre o Quilombo dos Palmares que aprendi por lá ou depois que lá passei:

* Diz-se que Zumbi teria sido criado por um padre, tendo uma educação erudita que incluiu o aprendizado de latim. Posteriormente como líder, se mostrou um grande estrategista militar. Sua face era coberta por uma máscara, para evitar que sua identidade pudesse ser revelada aos portugueses.

* Quilombo é uma palavra mais recente e mais sulista. Na época, o que se dizia é que havia um coletivo de mucambos. Palmares também é um nome conferido pelos portugueses. Os moradores chamavam a confederação de mocambos por Angola Janga (Pequena Angola). Esse aspecto federativo faz com que alguns atribuam a Palmares o título de "república". Contudo, alguns enxergam que a estratificação social africana era lá reproduzida, sendo Ganga Zumba um verdadeiro monarca.


* Alguns estimam que Palmares chegou a ter 20 mil habitantes, uma população heterogênea que incluía também índios, que já estavam lá antes do quilombo, e brancos, que eram principalmente mulheres raptadas e homens fugidos do serviço militar.

* Graças a estratégias e à topografia do terreno Palmares resistiu a dezenas de ataques por mais de um século! Dizem os locais que os quilombolas se valiam da capoeira na guerra!

* Ganga Zumba fez um acordo com os portugueses para se chegar a uma pacificação. Para essa paz, seria necessário que os quilombolas se retirassem de Palmares. Zumbi discordou e o grupo rachou: alguns foram com Ganga Zumba e outros ficaram com Zumbi. Nesse conflito, alguns dizem que Zumbi mesmo teria matado Ganga Zumba. Naturalmente, os portugueses não honraram os compromissos, e aqueles que seguiram Ganga Zumba acabaram sendo novamente escravizados.

* Para pôr fim ao quilombo, invocou-se o bandeirante Domingos Jorge Velho. Mesmo assim a empreitada não foi fácil. No parque os guias contam os detalhes militares do confronto!





* Diz-se que no ataque final Zumbi foi morto e sua cabeça foi exposta ao público. Porém, como Zumbi usava uma máscara, muitos acreditam que Zumbi não teria morrido naquela ocasião. Talvez tenha continuado a viver em alguma comunidade quilombola remanescente. Aliás, embora a federação tenha sido destruída para sempre, alguns mocambos de Palmares continuaram a existir enquanto comunidades quilombolas até os dias de hoje!

* Havia poucas mulheres no quilombo. Devido a isso, os quilombolas raptavam algumas moças brancas pobres para morarem no quilombo. Lá no quilombo, uma mulher podia ter vários maridos, e com isso tinham grande influência nas decisões da comunidade. Até mesmo as grandes decisões deveriam passar pela anciã Aqualtune, uma princesa e guerreira do Congo, mãe de Ganga Zumba. Dandara, esposa de Zumbi, também é uma guerreira de destaque na história!

* Os quilombolas também organizavam expedições para libertar negros e levá-los ao quilombo. Ao chegar no quilombo, naturalmente esses negros deveriam trabalhar para contribuir com a comunidade. E aí surge a polêmica sobre a existência de escravidão dentro de Palmares, o que é plausível devido a sua existência na sociedade africana. Porém, é preciso ter cuidado aqui, uma vez que a natureza dessa possível escravidão provavelmente difira substantivamente do que era a escravidão tipicamente praticada no Brasil Colonial.

A muxixama, onde os líderes dos mocambos se encontravam
Pedra onde os quilomboas amolavam suas armas

Além da história de Palmares, o Parque procura valorizar os elementos da cultura afro-brasileira, seja a religiosidade, a música, os trajes ou a alimentação. Aliás, no parque há um ótimo restaurante de culinária africana. A melhor refeição que tive em Alagoas, tudo muito gostoso!!!


Capoeira

Orixás

Quanta comida boa

O próprio parque é relativamente recente. Foi preciso muita luta para sua criação. E as coisas ainda estão difíceis. Percebe-se uma certa falta de manutenção. Quando lá fui, alguns dispositivos interativos de áudio já não estavam mais funcionando. A venda de lembranças poderia ser mais bem explorada (sugestões: camisetas e mini-estátuas de Zumbi), o que ajudaria no financiamento do parque, além de contribuir para sua divulgação. Assim, para que o Parque Memorial não caia no esquecimento, o mais importante é que a sociedade se aproprie dele e vá visitá-lo! Vale muito a pena!

Monumento em União dos Palmares


Curta também nossa página Facebook e esteja sempre por dentro dos melhores roteiros e dicas de viagem:
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)


Confira também os posts relacionados

Roteiro - Nordeste de Carro - Aproveite para conhecer mais pelo Nordeste.
Roteiro - Os Encantos de Minas - Um roteiro deslumbrante por Minas Gerais.
Roteiro - Sul do Brasil, Uruguai e Argentina - Outra opção para conhecer o Brasil, e também Uruguai e Argentina!
Morro de São Paulo - Lugar encantador no Sul da Bahia.
Lisboa - O Nordeste tem muita influência portuguesa, em Lisboa você vai encontrar muitas semelhanças.
Ilha de Itaparica - Uma das ilhas mais bonitas do mundo, e fica pertinho de Salvador.
Curiosidades sobre a Bahia - Antes de ir a Salvador você precisa ler essas curiosidades divertidíssimas sobre Salvador e a Bahia!

Veja também o nosso Índice de Posts

Comente com o Facebook:

5 comentários:

  1. Há um filme dos anos 80 chamado Quilombo do Caca Diegues muito bom que retrata a história de Palmares. No início do filme é Acotirene que governa para depois passar para Ganga-Zumba e Zumbi. No início do governo do Lula foi criada a lei 10639/03 que instituiu a obrigatoriedade do ensino da história da África e cultura afro-brasileira em todas as escolas do Brasil. Li em algum lugar rapidamente que o governo Temer quer acabar com a lei.

    ResponderExcluir
  2. Uma correção (por Larissa Suyama): a comida do Parque Memorial Quilombo dos Palmares é do tipo "afro-indígena", e não exatamente "africana" como eu escrevi.

    ResponderExcluir
  3. Muito legal, Leonardo! Aprendi bastante com as suas fotos e o texto. Sei que existem algumas pesquisas arqueologicas no parque dos Palmares. Assim sendo, acredito que haja interesse em resgatar a historia do local por meio de fontes nao escritas, ja que essas sao quase inexistentes. O problema sao as verbas. Talvez seja hora de tambem iniciar parcerias com o setor privado. Mas valeu, bonito texto!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eh, de fato. Lá no parque o guia apresentou um buraco com vestígios arqueológicos para os quais ainda não se conseguiram arqueólogos para os investigarem!

      Excluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir