Facebook Scripts

adSense

terça-feira, 2 de abril de 2013

Montevidéu - Uruguai - Parte 1



O Uruguai é um país que me encanta por muitos motivos.

É um país pequeno, mas bonito e organizado, e as pessoas em geral são educadas e gentis, sem perder a latinidade.

Montevidéu é uma das grandes cidades da América Latina com menor índice de violência. É possível andar tranquilamente à noite pelas ruas na maioria dos bairros da cidade.


O seu presidente José Mujica é uma personalidade bastante curiosa, que doa 90% do seu salário.

Para os brasileiros o câmbio é bastante vantajoso, o que torna a viagem relativamente barata.

Próximo a Montevidéu estão duas cidades que valem a pena ser visitadas: Colonia del Sacramento (Clique aqui para ler mais sobre Colonia del Sacramento) e Punta del Este, além é claro de Buenos Aires (Clique para ler mais sobre Buenos Aires), caso você esteja disposto a cruzar o Rio da Prata. Para quem gosta de história, a fundação de Montevidéu pelos espanhóis foi uma resposta à fundação de Colonia del Sacramento, pelos portugueses, que tentavam cada vez mais expandir suas fronteiras.




Pela cidade você vai encontrar diversas estátuas de José Artigas, mas não se assuste, ele não é um Pelé do Uruguai, mas um herói nacional que libertou o Uruguai da coroa espanhola. Suas cinzas estão sob a principal praça da cidade (Plaza Independencia) e são vigiadas 24h por dia por dois soldados de chumbo (sim, eles não podem se mexer por 8 horas).

Uma das muitas estátuas de Artigas

As cinzas de Artigas

Acho que a primeira coisa a visitar é o centro antigo, onde ficava toda a cidade de Montevidéu, cercada por muros, que depois foram destruídos quase completamente devido à expansão da cidade.

Desenho da antiga cidade com sua muralha

Na parte antiga da cidade, está a linda Plaza Independencia, com o que sobrou da antiga muralha, as cinzas de Artigas, e o Palácio Salvo, que já foi o prédio mais alto da América do Sul.

Andando pela cidade velha em direção ao porto, você vai encontrar o Mercado del Puerto. Vale a pena pena parar uma ou duas horas para experimentar algo da culinária local (Durante o dia, pois dizem que é um pouco perigoso à noite).

Palacio Salvo

O que sobrou da antiga muralha

Mercado del Puerto

O Uruguai realizou (e ganhou) a primeira Copa do Mundo de futebol em 1930. O estádio Centenário (em homenagem ao centenário da independência) ainda está de pé e aberto a visitas, ao contrário do Engenhão, no Rio de Janeiro, que com menos de 10 anos já está interditado.

Estadio Centenario

Outro passeio agradável é começando pelo bairro de Punta Carretas até o bairro de Pocitos. Pocitos é um bairro de classe média, com muitos edifícios, virado para o mar, que lembra um pouco Copacabana. Além de muito bonito, é um bairro bastante movimentado, com comércio, restaurantes e uma praia que apesar de ter um mar marrom, dizem ser limpa. Infelizmente quando eu fui o tempo estava meio chuvoso e acabei não aproveitando a praia. Punta Carretas também tem boas praias, e o Memorial del Holocausto del Pueblo Judio. Pela orla, é possível ver um monte de uruguaios caminhando com a sua garrafa térmica e a sua cuia de mate, eles tomam isso durante todo dia, muito mais que os gaúchos do Rio Grande do Sul.

Memorial del Holocausto del Pueblo Judio

Pocitos

Continua no próximo post.


Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Olá, sou casado e quero ir com minha esposa morar e trabalhar ai o que me indica? Eu sou Vendedor, já trabalhei de Aux. Administrativo, Comprador e Motorista e ela assistente Financeiro numa Empresa e se forma em Administração mês que vem. Aluguel ai é muito caro e difícil encontrar? Tenho medo de não conseguir emprego logo. Queria começar trabalhando de Garçom, alguém sabe o salário no Uruguai? Obrigado! Aguardo seu retorno...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...