Facebook Scripts

domingo, 28 de julho de 2019

Como subir na Rainbow Mountain, no Peru - É difícil pra caramba!

Sabe um lugar lindo, mas ao mesmo tempo difícil de chegar? Essa é a Rainbow Mountain, ou Montaña de 7 colores.

A Rainbow Mountain é uma das únicas 4 montanhas coloridas do mundo (as outras 3 ficam 1 na China e 2 na Argentina). Os nativos contam que há poucos anos ninguém sabia que a montanha era colorida, pois ela era coberta de gelo. Devido ao aquecimento global, a Vinicunca (nome oficial da montanha)  revelou as suas cores e impulsionou o turismo na região.

Rainbow Mountain, Peru, Montaña de 7 colores, Montanha das 7 cores, Vinicunca
Rainbow Mountain


O Tour que fizemos foi pela Fabulous Peru Tours. Os guias são muito preparados, sabem fazer primeiros socorros e levam oxigênio para emergências. A van te busca no hotel, em Cusco, e depois de cerca de 3 horas fazemos uma parada para café da manhã, que inclui a necessária infusão de coca. Você também pode levar folhas de coca para mascar no caminho. No local também se aluga bastão de trekking, super útil. Depois pegamos a van novamente, até o estacionamento que fica a 4 km do topo da Rainbow Mountain (Clique para conhecer a Fabulous Peru Tours).

É agora que começa a parte difícil. Para quem não está aclimatado, a subida pode ser muito dura, como foi para mim. Falta ar e dói bastante a cabeça. Algumas pessoas também sentem náuseas. O topo da montanha fica a 5200 m de altitude. Eu não consegui chegar no topo, pois o ritmo do grupo é bem forte, e as dores de cabeça me impediam de ir mais rápido. Parei nos 5000 m, que já é bem bonito. Os 200 m finais têm maior inclinação e, portanto, maior dificuldade. No entanto, minha esposa, mulher de ferro, conseguiu. Os nativos ficam por ali oferecendo cavalos para alugar, o que pode ajudar bastante, mas, ainda assim, não é possível chegar até o topo montado, pois o trecho final é mais íngreme, e cavalos não são permitidos.

Na volta do tour, temos um almoço incluso no passeio preparado pela comunidade local. Revigorante.

Esse caminho de 4 km (mais 4 km de volta) é recente e é mais fácil que o mais antigo, que tem 8 km. Mas não se engane, o caminho de 4 km já é difícil o suficiente. Mesmo esse caminho sendo o mais "fácil", na volta, já dentro da van, estavam todos destruídos, e uma menina até vomitou. Se você não for extremamente acostumado a esse tipo de atividade, eu não recomendo fazer o de 8 km.

Veja no vídeo abaixo como foi a minha difícil subida à Rainbow Mountain, e em seguida algumas dicas importantes sobre altitude. O final do post tem algumas das fotos que tiramos dessa incrível experiência.

Lembre-se: se gostar do vídeo, siga a gente no YouTube e veja os outros vídeos do canal =)


Uma grande preocupação que se tem que ter numa viagem como essa é com a diferença de altitude. No primeiro dia que se chega numa cidade com altitude grande, é importante comer comidas bem leves e fazer pouco esforço físico.

Negligenciar isso pode te causar o que eles chamam de soroche, um mal estar causado pela altitude que pode te deixar com dor de cabeça, náuseas e dores nas articulações. Você se sente como se estivesse doente, e dependendo do grau, isso pode levar alguns dias. Então não negligencie, se cuide!

As dicas para evitar isso são: beber bastante água, tomar chá de coca pela manhã (evite à noite, pois pode dar insônia), mascar folha de coca e tomar um comprimido chamado Soroche Pills (tome um no café da manhã, que já é perto do estacionamento).

Outra dica importante é que a Rainbow Mountain é provavelmente o passeio mais alto e mais difícil que você vai fazer a partir de Cusco. Então deixe para o último dia de viagem, para que você possa estar melhor aclimatado e mais resistente aos efeitos da altitude.


Roupas adequadas

Numa viagem como essa é muito importante utilizar as roupas corretas. Na Rainbow Mountain tem muito vento e faz bastante frio. Você vai precisar de casacos corta-vento, sobrepele, gorro, luvas e outros itens importantes. Não esqueça também de ter um bom sapato para trilha. Outros itens que podem ser úteis são mochilas, cantil, etc. Dois lugares que são muito bons para comprar esses tipos de itens são a Centauro e a Decathlon. Dá para comprar tudo pela internet e, em muitas situações, eles têm frete grátis.

Clique aqui para buscar esses produtos na Centauro

Clique aqui para buscar esses produtos na Decathlon


Seguro Viagem

A gente nunca vai para uma viagem pensando em passar por algum problema, mas é extremamente importante estar protegido contra eventuais acidentes, doenças etc. Altitude é coisa séria e não dá para negligenciar.

Eu sempre compro o Seguro Viagem pela Real Seguros que tem um comparador de Seguros bem bacana que ajuda a encontrar o mais barato e que melhor me atende.

Acessando pelo link abaixo, você recebe 10% de desconto na compra de qualquer seguro viagem:

Clique aqui para acessar o buscador da Real Seguro Viagem com 10% de desconto


Viaje conectado

Hoje em dia, estar conectado é uma mão na roda e nos ajuda em muita coisa. Nas viagens ao exterior não poderia ser diferente: Poder usar GPS e não se perder, pesquisar sobre transporte público na cidade, pesquisar sobre o que fazer e comprar ingressos para atrações, pedir táxi ou Uber por aplicativo e, claro, postar as suas fotos nas redes sociais e contar as novidades para a sua família e os seus amigos.

Pensando nisso tudo, nós conseguimos fazer uma boa parceria de chips para Smart Phones com a Viaje Conectado, da Yes Brasil, a maior empresa brasileira de venda de chips de celulares no exterior. Eles têm chips para quase todos os países e o mesmo chip pode funcionar em vários países, você não precisa comprar um chip para cada país. Colocando o Cupom ARIQUEZADEVIAJAR10, você tem 10% de desconto em qualquer chip e eles ainda entregam na sua casa, no Brasil, para você já chegar lá usando.

Clique aqui para ver as opções de chip que eles oferecem


Gostou do post? Conheça e curta nossa página no Facebook e fique sempre por dentro das novidades:
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)


Siga-nos também no Instagram: @ariquezadeviajar e no nosso canal no YouTube


Posts relacionados

Roteiro de 19 dias por Peru, Bolívia e Chile
Lima
Cusco (Breve)


Todos os Posts sobre o Peru
Todos os Posts com Vídeos
Veja o nosso índice de Posts



Local onde tomamos café da manhã e almoçamos, com uma deliciosa comida local, preparada por nativos

Estacionamento. É a partir daqui que começamos a andar

Ainda estamos passando bem... No início da caminhada

Já começando a sentir os efeitos da altitude. O bastão ajuda a caminhar.

Em alguns pontos você pode pagar alguns soles e tirar fotos com lhamas como essa

ou como essa

Panorâmica da vista que se tem já bem perto do topo

Chegando lá em cima nativos também oferecem para tirar fotos com lhamas e você pode carimbar o seu passaporte, com uma imagem da Rainbow Mountain

Eu cheguei perto, mas não consegui chegar no topo

Mas a minha esposa, Andrezza, conseguiu!
E depois que desceu me encontrou a uns 5000 m de altitude

De onde também se tem esse visual maravilhoso


Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário