Facebook Scripts

adSense

domingo, 4 de dezembro de 2016

Munique - Alemanha - Passeios e Oktoberfest!

Ao falar de Munique lembramos logo da Oktoberfest. É que a festa é tão tradicional e tão incrível que acabou marcando a cidade por isso. Mas além do Oktoberfest (que acontece em Setembro) Munique conta com diversos lugares incrivelmente bonitos e cheios de História.

Munique é a capital da Baviera, no Sul da Alemanha, região que no passado era independente, mas pertence à Alemanha desde 1871.

Cada cantinho é especial. O ideal é passar entre 4 ou 5 dias, ou mais, se você for também para o Oktoberfest.

Se estiver viajando pela Alemanha, visite também o nosso post sobre Berlim. Se o seu roteiro envolve destinos mais próximos, visite o nosso post sobre Viena, na Áustria, ou Praga, na República Tcheca.

Neste post você vai ler as principais dicas para aproveitar a cidade e o Oktoberfest da melhor forma possível.

A Praça principal da cidade, Marienplatz e a Oktoberfest - Munique - Baviera - Alemanha
A Praça principal da cidade, Marienplatz e a Oktoberfest



Onde ficar

Munique tem uma boa estrutura de hotéis e albergues com muitas opções. No entanto, em geral, a hospedagem costuma ser bem cara, principalmente se for durante o Oktoberfest.

Para ajudar a encontrar os melhores preços, uma boa opção é através do quadro de promoções do Booking, que você pode acessar clicando no quadro abaixo.

Booking.com

O quê e onde comer

A cozinha Bávara é excelente e com muitas opções. Recomendo provar as variadas salsichas bávaras com mostarda escura, joelho de porco, tortas de maçã, e claro, todas as várias opções de cerveja que puder.

Um lugar super típico e bastante recomendado pro todo mundo é o Augustiner, que serve pratos da região.

Outro lugar excelente que fomos foi o Goerreshof, que tem ótimo atendimento, comida muito boa por um preço justo.

Goerreshof é mais bonito e mais tranquilo, um padrão mais sofisticado. O Augustiner é bem clima de festa mesmo, bem a cara do Oktoberfest, com mesas compartilhadas e garçons e garçonetes vestidos a caráter. Os dois valem a pena.

Pratos no Augustiner - Munique - Alemanha
Pratos no Augustiner

Seguro Viagem

Na Europa, países signatários do acordo Schengen exigem seguro com cobertura mínima de 30 mil euros para qualquer viajante. São eles: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Holanda, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça.

No banner abaixo, disponibilizamos um comparador de Seguros da Real Seguros, através dele, você pode comparar o custo e os itens cobertos de várias seguradoras diferentes. (Ou clique aqui para ler nosso post sobre seguro viagem)



Oktoberfest

É a festa do ano da Alemanha, como se fosse o nosso carnaval. A festa é muito animada, regada a muuuuuita cerveja, e os alemães, que em geral são considerados frios, ficam super animados e fazem amizade com todo mundo.

A festa teve início há mais de 200 anos, em 1810, para comemorar o casamento do príncipe bávaro Ludwig I. Fez tanto sucesso que é repetida todo ano até hoje. Atualmente ela ocorre em Setembro, por ter um clima mais agradável. Apenas a última semana da festa ocorre em Outubro.

Nesse período há um monte de lojas pelo centro da cidade que vendem roupas típicas. Vale a pena se vestir com os trajes! Se você procura algo barato, a dica é comprar na estação central de trem, a Hauptbanhoff.

O Oktoberfest acontece num grande espaço chamado Theresienwiese. Dentro há várias tendas enormes, cada uma com sua peculiaridade e seus pratos próprios, porém todas com muita cerveja, música típica e animação.

As cervejas sempre vêm em copos de chope de 1 litro, não tem menor.

O Oktoberfest sempre lota, então prefira ir durante a semana, pois sábado e domingo é extremamente cheio. Talvez você nem consiga entrar nas tendas. Vale a pena reservar uma mesa (mas tem que chegar de manhã). A mesa é para dez pessoas e inclui 1 prato (normalmente meio frango assado pequeno) e 1 cerveja de 1 litro. Se você estiver em um grupo menor, não tem problema, você vai acabar comendo outro prato e outra cerveja mesmo...

As tendas que mais gostamos foram a Hofbräu Festzelt, a Ochsenbraterei (Spatenbräu-Festhalle) e a Winzerer Fähndl, mas as outras também são ótimas (não deu para entrar em todas). Você pode buscar mais informações e reservar por esse site: http://www.oktoberfest.de/en/navitem/Beer+Tents/

Antes de sair, com os trajes típicos

Entrada do Oktoberfest - Munique - Alemanha
Entrada do Oktoberfest

Ruhmeshalle e a estátua Bavaria, no complexo do Oktoberfest - Munique - Alemanha
Ruhmeshalle e a estátua Bavaria, no complexo do Oktoberfest

Nas ruas do complexo há um monte de carroças com barris de chope estilizados. Rola até o momento romântico.

Já na tenda, porém ainda sóbrios
Tenda da Hofbräu
Tenda da Ochsenbraterei

Já não tão sóbrio assim, com alguns dos muitos amigos alemães que fizemos

Se não for para beber até cair eu nem vou

Virei até o rei da Baviera

Os amigos também ficaram bêbados
 
Todos


Se não der para ir à Oktoberfest de Munique esse ano, tente a de Blumenau =) (Clique aqui para saber mais sobre a Oktoberfest de Blumenau).


O que conhecer

É muito fácil se deslocar em Munique, o metrô atende boa parte da cidade e é fácil de se localizar. Para economizar, pegue os tickets em grupo que duram até 3 dias. Acaba saindo bem mais barato e serve para até 5 pessoas.

Aqui serão mostrados os principais pontos turísticos da cidade.

MarienPlatz

A linda Marienplatz (Praça de Maria) é a praça principal da cidade. Ela se encontra no centro da cidade velha. Ela recebeu esse nome devido à Mariensäule (Coluna de Maria), que fica no meio da praça. Os sinos com bonecos dançando a dança folclórica Schäfflertanz na torre da Nova Rathaus (Prefeitura) lembram o fim da peste até hoje. Em outra cena, eles mostram um casamento ducal com torneio de cavaleiros nessa praça. É possível subir no topo da torre da prefeitura e ter uma bela vista para a cidade inteira.

Marienplatz com a Mariensäule (coluna de Maria) e Nova Rathaus (prefeitura) - Munique - Baviera - Alemanha
Marienplatz com a Mariensäule e Nova Rathaus

Marienplatz com a Mariensäule e Nova Rathaus - Munique - Alemanha
Outro ângulo da bela praça

Vista de cima da Torre

Vista da cidade a partir da torre

Caminhando pelo Centro Histórico a partir da praça Marienplatz

Saindo da praça você vai encontrar pontos turísticos incríveis, cada um com sua beleza especial e sua história particular.

Antigamente a Altes Rathaus (Antiga prefeitura) delimitava a parte mais antiga da cidade. A igreja de São Pedro é a igreja mais antiga da cidade. O Virtualienmarket se desenvolveu de uma feira de agricultores para um ponto de encontro geral com vários comércios e barraquinhas de comida gourmet. Ali perto também está a igreja mais famosa de Munique, Frauenkirche, a Igreja de Nossa Senhora. O Alter Hof foi a primeira residência dos regentes Wittelsbach, com uma sacada gótica, também chamada de "torre dos macacos".

Altes Rathaus - Antiga prefeitura - Munique - Alemanha
Altes Rathaus

Frauenkirche - Igreja de Nossa Senhora - Munique - Alemanha
Frauenkirche

Alter Hof (Torre dos macacos)

Residência Real

A residência real, com seu jardim, é o maior palácio urbano da Alemanha e se desenvolveu de um pequeno Wasseburg construído em 1385. Até 1918 a Residenz servia como residência e sede do governo. Hoje, com seu lindo jardim e suas coleções de arte, ela é um excelente testemunho da cultura real na Europa.

Residência Real 
Residência Real

Jardim Inglês

É um dos maiores espaços verdes urbanos do mundo, com vários caminhos para bicicletas e caminhada, riachos idílicos, o lago Kleinhesseloher See, e vários Biergarten, pequenos jardins feitos especialmente para se beber cerveja.


Jardim inglês

Jardim inglês com o Monopteros ao fundo

Monopteros

Pôr-do-Sol visto do Monopteros



Palácio Nymphenburg

Era a residência de verão dos príncipes eleitores e reis da Baviera. O rei Luís II da Baviera nasceu aqui em 1845. Fazem parte das atrações para turistas os quartos do palácio, o parque com seus 4 castelos e o Marstallmuseum com carruagens, carroças e acessórios de equitação representativos da propriedade dos Wittelsbasch e a coleção privada de porcelanas.

Palácio de Nymphenburg

Palácio Nymphenburg

Palácio Nymphenburg

Cisnes

Palácio Nymphenburg

Palácio Nymphenburg


Outros pontos turísticos imperdíveis

Castelo de Neuschwantsetein - Não deu tempo de ir e fica afastado da cidade (melhor pegar excursão bate-volta). Mas o castelo é fantástico e vale a visita.

Parque Olímpico - Dos famosos jogos olímpicos de 1978.

Alianz Arena - Estádio do Bayern de Munique.

Museu Alemão
Museu da BMW
Königsplatz
Antiga Pinacoteca


Gostou do post? Compartilhe este post com seus amigos! Convide-os para uma bela Eurotrip!

Curta também nossa página Facebook e esteja sempre por dentro dos melhores roteiros e dicas de viagem:
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)



Confira também os posts relacionados

Nossa Eurotrip com Oktoberfest - Veja como foi nossa Eurotrip em 2016.
Eurotrip - Primeira Vez na Europa - Nunca foi à Europa e quer primeiro conhecer as cidades do roteiro mais tradicional? Confira essas dicas!
Berlim - Com bastante história das guerras e uma vida noturna agitada, Berlim não pode faltar na sua Eurotrip.
Praga - Cidade mais conhecida e mais interessante do Leste Europeu, e bem perto de Munique.
Viena - Pertinho de Munique, a capital da música tem muito em comum com a Baviera.
Bruxelas - Também rica em cervejas maravilhosas, você vai adorar a capital da Bélgica.
Paris - Essa é a cidade mais visitada do mundo. Se você ainda não foi. Vá!
Nice - Praia mais bonita que conheci na Europa.
Lille - Outra adorável cidade francesa, muito animada e com as melhores cervejas da França.
Londres - Cidade dos melhores pubs de Rock da Europa e tanta coisa para conhecer, e pertinho de Lille.
Roma - Essa cidade influenciou todas as outras! E preservou a sua história.
Atenas - E como falar de história sem falar de Atenas?
Lisboa - Cidade que não pode faltar na sua Eurotrip.

Navegue um pouco por nosso índice que certamente você vai encontrar a cidade que procura ou alguma história divertida para relaxar ;)
Índice de Posts com Roteiros, várias cidades e muito mais

domingo, 13 de novembro de 2016

Nantes - França

A terra de Júlio Verne e de tantas histórias fantásticas, se modernizou bastante nas últimas décadas e investiu muito em turismo.

A melhor forma de fazer turismo em Nantes é a pé. A cidade teve a genial ideia de pintar uma linha verde no chão passando pelos principais pontos turísticos. Para visitar os principais pontos, basta seguir a linha verde.

Nantes fica numa região conhecida como Bretanha (apesar de que, após a segunda guerra, a região foi dividida e a região de Nantes se tornou Loire Atlantique).

Os Bretões têm origem celta (como os irlandeses e escoceses) e antigamente viviam na Grã-Bretanha (por isso esse nome). Eles conviviam pacificamente com o Império Romano, o que lhes dava de certa forma proteção contra a invasão de outros povos.

Com o declínio do Império Romano sucessivas invasões ocorreram, e os Bretões acabaram expulsos pelos Anglos (por isso o nome Inglaterra - Terra dos Anglos). Ou seja, o nome Grã-Bretanha hoje não tem nada a ver com o povo que habita na Inglaterra, que são em maioria descendentes dos anglos (e outros povos), e não dos bretões.

Não tendo forças para resistir, os Bretões fugiram para a região noroeste da atual França, fazendo surgir a Bretanha (ou pequena Bretanha, em oposição à Grã Bretanha).

Nantes era a antiga capital da então independente Bretanha e era murada e isolada durante a Idade Média.

A França desejava anexar o Ducado da Bretanha, o que provocou diversas guerras entre os dois no século XV. Sabendo da dificuldade de resistir a uma França militarmente superior, a Bretanha cede acaba se reunindo e se separando da França através de sucessivos tratados e casamentos entre três reis da França e Ana da Bretanha e depois sua filha Cláudia. O tratado definitivo, de 1532, trata das regras de anexação, que possui alguns itens estranhos, como por exemplo, que a França não poderia cobrar pedágio para o deslocamento entre os feudos. Essa regra é válida até hoje e a Bretanha é a única região da França que não tem estradas privadas, que cobram pedágios.

Neste post você vai ler as principais dicas para aproveitar melhor a sua estadia em Nantes.

Castelo dos Duques da Bretanha


Onde ficar

Nós ficamos no excelente Hotel Okko. O hotel, aliás, nos surpreendeu muito. Lá tudo é de primeira e o custo benefício é excelente e tem ótima localização, bem central, pertinho do Castelo dos Duques da Bretanha e da Catedral.

O quarto é ótimo e muito confortável. No Hotel tem academia, sauna e muito mais. Além do café da manhã, eles disponibilizam uma sala onde você pode pegar a qualquer momento água, suco e pequenos petiscos, além de usar os computadores, ler etc. Tudo incluso! A partir de 19h você também pode participar do tradicional aperitivo, e tem direito a uma taça de vinho ou cidra ou um copo de cerveja. Muito bom né?

Clique aqui para ver mais informações sobre o Okko Hotel.

Quarto do Okko Hotel. Muito confortável! - Nantes - França
Quarto do Okko Hotel. Muito confortável!

Aperitivo com Cidra e comidinhas de primeira qualidade

Sala super agradável e confortável com computadores, jornais, revistas, livros e muito mais - Okko Hotel - Nantes - França
Sala super agradável e confortável com computadores, jornais, revistas, livros e muito mais


O quê e onde comer

O que há de mais típico na Bretanha são os Crepes e Galettes, caramelos com manteiga salgada (carameles beurre salés) e as Cidras. Nantes ainda tem outra especialidade que é o vinho branco Muscadet, bem fresco, semelhante ao vinho verde português.

O restaurante que mais gostamos foi o La Reine Margot, que tem uns menus de entrada + prato principal + sobremesa muito bons. Outros bons restaurantes são o Le Tables de Nantes e La Cantine du Voyage.


Um típico crepe de Nantes - Esqueci de tirar foto do La Reine Margot :'( - Nantes - França
Um típico crepe de Nantes - Esqueci de tirar foto do La Reine Margot :'(


Seguro Viagem

Na Europa, países signatários do acordo Schengen exigem seguro com cobertura mínima de 30 mil euros para qualquer viajante. São eles: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Holanda, Polônia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça.

No banner abaixo, disponibilizamos um comparador de Seguros da Real Seguros, através dele, você pode comparar o custo e os itens cobertos de várias seguradoras diferentes. (Ou clique aqui para ler nosso post sobre seguro viagem)




O que conhecer

Como mencionado na introdução do post, Nantes teve a incrível ideia de pintar uma linha verde no chão, o que facilita muito a vida dos turistas. É só seguí-la!

Abaixo, será mostrado também um pouquinho dos pontos turísticos mais legais e imperdíveis.

Linha verde e, no fundo da foto, a antiga Porta da cidade.


Castelo dos Duques da Bretanha

O belo Castelo dos Duques da Bretanha (ou Château des Ducs de Bretagne) foi construído no século XV, para defender a Bretanha da França. Lá também funciona vários museus, entre eles, o Museu de História de Nantes, que é bem legal.

Dentro do Castelo

Dentro do Castelo

Vista a partir do Muro do Castelo para o lado de fora - Castelo dos Duques da Bretanha - Nantes - França
Vista a partir do Muro do Castelo para o lado de fora

Vista a partir do Muro do Castelo para o lado de dentro - Castelo dos Duques da Bretanha - Nantes- França
Vista a partir do Muro do Castelo para o lado de dentro

Castelo dos Duques da Bretanha - Nantes - França
Castelo dos Duques da Bretanha


Torre LU

Famosa torre, com linda arquitetura e antiga fábrica do biscoito mais conhecido da França, o LU, originário de Nantes.

Torre LU vista do Castelo dos Duques da Bretanha - Nantes - França
Torre LU vista do Castelo

Torre LU vista da Torre da Bretanha - Nantes - França
Torre LU vista da Torre da Bretanha


Catedral Saint Pierre et Saint Paul

Catedral muito bonita no estilo gótico. Fica bem próxima do Castelo dos Duques da Bretanha. Quando fomos ela estava fechada, pois sofreu um grande incêndio em 2015 e estava em restauração.

Catedral de Nantes
Catedral de Nantes

Catedral de Nantes vista da Torre da Bretanha - Nantes - França
Catedral de Nantes vista da Torre da Bretanha


Jardin des Plantes


É um enorme jardim bonito e criativo, com várias intervenções que interagem com a natureza e também exposições.

Na entrada tem logo um sorvetão pra tomar

Todo mundo gosta!

Depois tem esse olho sinistro aí

Alisando a Ursoruga (Lá tem dizendo que é uma tartaruga, mas saporra pra mim é um Urso) - Nantes - França
Alisando a Ursoruga (Lá tem dizendo que é uma tartaruga, mas saporra pra mim é um Urso)

Deixa eu subir aqui nesse banco gigante - Jardin des Plantes - Nantes- França
Deixa eu subir aqui nesse banco gigante

Legal, confortável, mas parece que diminuiu um pouco - Jardin des Plantes - Nantes - França
Legal, confortável, mas parece que diminuiu um pouco

Oxe, que porra é essa? Sou eu que tô crescendo ou esse banco tá diminuindo? - Jardin des Plantes - Nantes - França
Oxe, que porra é essa? Sou eu que tô crescendo ou esse banco tá diminuindo?

Saporra nem me cabe mais! - Jardin des Plantes - Nantes- França
Saporra nem me cabe mais!


Torre da Bretanha (Tour de Bretagne)

É o prédio mais alto de Nantes e você pode subir nele por apenas 1€. Lá em cima, ale'm da melhor vista de Nantes, tem um bar chamado Le Nid (O Ninho), com uma divertida decoração de ovos e cegonhas.

Torre da Bretanha - Nantes - França
Torre da Bretanha

Vista do alto da Torre da Bretanha - Nantes - França
Vista do alto da Torre

Vista do alto da Torre da Bretanha - Nantes - França
Vista do alto da Torre

Igreja vista da Torre da Bretanha - Nantes - França
Igreja vista da Torre da Bretanha

Le Nid - Com tanto ovo, melhor proteger os meus. Vai que a Cegonha invoca... - Torre da Bretanha - Nantes - França
Le Nid - Com tanto ovo, melhor proteger os meus. Vai que a Cegonha invoca...

Le Nid - Cegonha - Torre da Bretanha - Nantes - França
Le Nid - Olha ela aí...


Les Machines de L'île

Lugar muito legal, com um monte de grandes máquinas que simulam animais, como formigas, aves, aranhas e outros. Todos eles se movem, fazem sons, soltam água etc. Em várias delas você pode subir e até controlar um pouco. A mais famosa máquina é o grande elefante, ele tem 12 metros de altura por 8 de largura. Aqui um videozinho feito para o blog, mostrando um pouquinho do grande elefante, e abaixo algumas fotos.



Aranha no Machines de L'île - Nantes - França
Aranha no Machines de L'île

Formiga no Machines de L'île - Nantes - França
Formiga no Machines de L'île

Cegonha levantando voo - Les Machines de l'île - Nantes- França
Cegonha levantando voo


Museus

Nantes é uma cidade rica em cultura e história e, por isso, tem muitos museus bons. Os melhores são:

Musée d'histoire de Nantes - Aquele que fica no Castelo dos Duques da Bretanha. Toda a História de Nantes e da Bretanha

Musée Jules Vernes - Se você gosta de Júlio Vernes e de ficção cientifica, tem que passar nesse museu.

Mémorial de l'abolition de l'esclavage - Nantes foi o maior porto francês de onde partiam e chegavam os navios negreiros para buscar e levar escravos da África, tanto para as colônias francesas na América quanto para a própria metrópole francesa. O museu conta a história da escravidão na França e sua abolição.

Musée d'Histoire Naturelle - Para quem gosta de biologia e evolução das espécies.

Musée des Beaux-arts - Museu com bonitos quadros e esculturas, para quem gosta de arte.


Gostou do post? Compartilhe este post com seus amigos! Convide-os para uma bela Eurotrip!

Curta também nossa página Facebook e esteja sempre por dentro dos melhores roteiros e dicas de viagem:
A Riqueza de Viajar (Clique para conhecer)



Confira também os posts relacionados

Eurotrip - Primeira Vez na Europa - Nunca foi à Europa e quer primeiro conhecer as cidades do roteiro mais tradicional? Confira essas dicas!
Paris - Essa é a cidade mais visitada do mundo. Se você ainda não foi. Vá!
Nice - Praia mais bonita que conheci na Europa.
Lille - Outra adorável cidade francesa, muito animada e com as melhores cervejas da França.
Curiosidades sobre a França - Divertidas curiosidades sobre a França e os franceses.
Típico Café Francês - O que dá o sabor da comida francesa.
Bruxelas - Você vai adorar a capital da Bélgica.
Londres - Cidade dos melhores pubs de Rock da Europa e tanta coisa para conhecer, e pertinho de Lille.
Roma - Essa cidade influenciou todas as outras! E preservou a sua história.
Atenas - E como falar de história sem falar de Atenas?
Berlim - Com bastante história das guerras e uma vida noturna agitada, Berlim não pode faltar na sua Eurotrip.
Lisboa - Cidade que não pode faltar na sua Eurotrip.

Navegue um pouco por nosso índice que certamente você vai encontrar a cidade que procura ou alguma história divertida para relaxar ;)
Índice de Posts com Roteiros, várias cidades e muito mais


Mais algumas fotos:


Destroyer francês

A Cultura custa caro? Tente a Ignorância!

Argolas (Feio né? Mas dizem que de noite é bonito)

Castelo Duques da Bretanha

"Eu te amo, mas eu tô com fome", "Eu sou a Rainha do Shopping"

Agradável noite pela cidade

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...